À Sua Espera

Verdade oculta nas lembranças
Sorriso fingido nas entrelinhas
Afago repentino na memória
Dor veemente na partida

Medo escrito nos olhos
Silêncio intenso na voz
Destino traçado pela dor
Vida presa em repetições

Amor descrito nos versos
Saudade expressa nas palavras
Esperança refletida em espelhos
Certeza selada no bilhete

Regresso atrasado em uma vida
Alegria nítida em um rosto
Paixão marcada nos corações
Beijo definido numa certeza

Comentários

  1. Poemas sempre profundos, palavras que vc tira do coração. Detalhes de uma passado, apagado a borracha, mas que no fundo do papel, ainda se vê. É como se tivesse escrito com força, apagou todo grafite sobre o papel, mas a força usada para escrever, não foi maior que a força usada para remover. É assim, como o gravite que se vai todo, mas sobre a marca no papel do risco da ponta do grafite, como um relevo impresso, como tatuagem.

    ResponderExcluir
  2. "Paixão marcada nos corações...
    Beijo definido numa certeza"

    Mais uma vez estou aqui admirando os seus belos poemas!!

    Parabéns por ser tão romântico e poético!!

    Abraçooooooss! ^^

    ResponderExcluir
  3. Estou adorando seus textos. Você se expressa muito bem e toca o nosso coração e a nossa alma! Parabéns!!!!!!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

RESENHA DE FILME: Um Amor Para Recordar (A Walk To Remember) - 2002

Dançando na Chuva

Sempre chega a hora