terça-feira, 9 de junho de 2015


Passei muito tempo da minha vida me afligindo. Parecia que o mundo inteiro estava contra mim. Eram dedos na minha cara e chutes certeiros nas minhas costas, sem falar nas palavras ásperas que me machucavam profundamente. Não tinha como não notar todos aqueles olhares condenadores e eu me sentia cada dia mais fraco e cada vez mais rumava para o fim. Tudo o que eu queria era colocar um fim nisso tudo.

Mas foi em uma noite qualquer, no silêncio do meu quarto, que vez ou outra era quebrado pelos soluços da solidão que me cercava, que senti o teu abraço me envolver. Eu pude sentir uma segurança real me proteger e todo aquele medo, que habitava meu interior, ser arrancado pela raiz, sem deixar quaisquer vestígios. Foi ali que entendi que não tenho que punir a mim mesmo e que, com Teu amor, eu sou capaz de suportar qualquer coisa. Eu compreendi que você me ama assim e me aceita como eu sou. E, acima de tudo, aprendi que é no Teu abraço que me encontro e é onde revigoro minhas forças.

Já não me importo mais com aqueles olhares condenadores. Não me importo mais com aquelas palavras rudes, que tentam me diminuir como ser humano a todo instante. Não me importo com o que os outros pensam de mim. Não me importo com o que eu tenho que enfrentar. Não me importa mais nada, além do teu amor.

— Diego Dittrich

2 comentários

Designed By Blogger Templates | Templatelib & Distributed By Blogspot Templates