Teu silêncio


Sei que posso ser culpado
de tudo que eu não disse
Talvez uma palavra minha
fosse o suficiente pra salvar...
Ou o teu silêncio assim o fez...

Seria sensato eu desistir?
Parar numa esquina qualquer
e esperar o tempo me levar?
Inventar uma nova estrada
e, por ela, seguir sem medo?

Quais são as minhas opções?
Talvez seja preciso aceitar
que a longa espera me venceu
e, por fim, abrir mão do que sonhei
e tudo que idealizei ao lado seu...

Uma luz, uma saída, um pretexto,
qualquer coisa que possa me guiar...
Que venha, unicamente, de você...

Diego Dittrich

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Instagram