Sinto a Sua Falta


Parece que o dia amanheceu,
e eu estou jogado neste sofá
onde passei a noite em claro.
É difícil aceitar que chegou ao fim,
não consigo me conformar.
Tudo o que mais me importava
se desfez como uma nuvem de fumaça
e não tenho mais motivos para viver.
Essa ideia insana de te telefonar
me atormenta e não sai de mim.
A vontade de dizer que sinto tua falta
ainda me consome por dentro.

Talvez, algum dia, eu encontre
alguma razão para continuar vivendo.
Ou, talvez, meu destino já esteja definido.
A verdade é que eu ainda amo você
e nada nunca vai afastar essa dor...

Diego Dittrich

Comentários

  1. "A verdade é que eu ainda amo você e nada nunca vai afastar essa dor..."
    Que lindo, Di! Amei...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

RESENHA DE FILME: Um Amor Para Recordar (A Walk To Remember) - 2002

Dançando na Chuva

Sempre chega a hora