No Silêncio da Noite...


No silêncio oportuno da noite
meus pensamentos se desvairam
e, por um momento, não estou em mim

Procuro por palavras
Ensaio versos e canções
Derramo lágrimas de solidão

Na calmaria da noite
eu sou completamente meu
sou parte de mim e de tudo que sei

Viverei noites de solidão,
silenciarei minha calma na aflição
mas serei eu... serei apenas eu...

Diego Dittrich

Um comentário:

  1. É mais difícil do que pensei mudar o rumo, mudar de sentimento
    Minha alma se identifica com a sua, e meu coração se apega ao seu
    Pra sempre vou estar de longe, a te seguir, você é incrível, e insubstituível
    Seus olhos, suas palavras, sua voz, como vou esquecer!
    Vou guardá-lo sempre em minhas lembranças....

    ResponderExcluir

Instagram